Como fazer Vídeos sem ficar Chatos?

Como fazer Vídeos sem ficar Chatos?

Como usar os vídeos no Inbound Marketing em cada etapa da jornada de compra?

Você já deve ter lido muitas definições sobre a jornada de compra, mas não custa rememorar: a jornada é o caminho que o visitante do seu site (e possível comprador) percorre antes de comprar o seu produto, dividido em quatro etapas: Aprendizado e Descoberta, Reconhecimento do Problema, Consideração da Solução e Decisão de Compra.

Em cada etapa da jornada, o seu potencial cliente tem uma mentalidade diferente, logo, busca por informações e materiais diferentes. Identificar essas etapas e mapeá-las ajuda a conectar e direcionar o seu conteúdo, sendo mais assertivo nas suas ações e gerando mais resultados. É também uma forma importante de diminuir o seu ciclo de vendas (quanto melhor nutrido for o lead em cada etapa, mais rápido ele avançará até a compra).

 

Confira as características de cada etapa e os tipos de vídeos mais indicados para cada uma delas.

# Aprendizado e descoberta

Nesse estágio, você ainda não tem clientes, ou quiçá visitantes. Quem chega até a sua marca ainda é um estranho, que não conhece a sua empresa ou tem interesse na sua solução; esse será o primeiro contato entre vocês.
O seu objetivo nessa etapa é justamente inverter essa posição: atrair o máximo de visitantes que conseguir, de forma interessante e com entrega de conteúdo que faça sentido para o dia a dia deles – o que acabará estimulando a sua volta.
Para isso, antes de tudo, você precisa fazer o seu dever de casa e desenvolver detalhadamente a sua persona (esse desenho será o direcionamento de todo o seu conteúdo, então mãos na massa!).
Tenha em mente que na etapa da atração, seus conteúdos não são necessariamente sobre o seu produto; eles devem estar voltados para captar o interesse do seu espectador, abordando uma dor ou necessidade que ele talvez nem saiba ainda que tenha. E que você vai ajudar a descobrir!
Tipos de vídeos indicados:
  • Vídeos com conteúdos abrangentes e informativos;
  • Vídeo motivacionais e que passem a mensagem de “Você não está sozinho” (ressaltando a identificação). Nessa etapa, é hora de apostar em conteúdos mais humanizados (lembre que pessoas compram de pessoas, e não de empresas) e aqueles voltados para as principais palavras-chave do seu mercado;
  • Divulgação de novidades do mercado e dicas para melhorar o seu dia a dia;
  • Dica prática: fique atento ao visual dos seus vídeos nessa etapa, então pense com carinho em animações e efeitos atraentes. Nesse momento da jornada, prefira vídeos de até 1 minuto.